terça-feira, 17 de abril de 2012

13° Capítulo - Just The Rebels Life

Liam me levou em uma pizzaria. Ele foi bem cavalheiro, mas sempre com um tom meio rude no tom de voz. Não comigo, mas sim com os funcionários. Comigo, na verdade, ele foi sempre muito gentil e fofo. Mas vamos admitir, durante toda a conversa e todo o jantar só pensei no Nick e no porquê ele estava lá.
Liam: Então, eu sei que a gente se conhece faz pouco tempo e tal, mas... - Estavamos no estacionamento do colégio, e ele exitou por um momento.
Miley: Mas... - Incentivei. Ele colocou suas mãos aonde estavam as minhas e as segurou.
Liam: Namora comigo? - Ok, por essa eu não esperava. E na mesma hora que ele me perguntou isso lembrei da conversa com Nick, a última que tivemos. Liam tinha sido cavalheiro durante todo o tempo, mas se eu aceitar querendo ou não, ele vai querer sexo. E eu não quero sexo agora, não com ele. Na verdade não sei mais o que quero. Eu gosto do Liam, mas eu conheço ele faz menos de 1 semana. E argh, isso tudo é muito confuso.  - Miley? - Ele me acordou do transe em que me encontrava. Ok, eu gosto dele! Eu gosto dele, não?
Miley: Liam... - Ele me olhou com aqueles profundos olhos azuis. Um carro chegou, um carro preto e mais especificamente, uma BMW. De reflexo vi o Nick. E não sei porque, mas beijei Liam e isso provavelmente fez ele entender a minha resposta com um 'sim'. Bem, eu iria me acostumar com a ideia de namorar ele.
(...)
Já fazia 3 meses que estava namorando Liam. Ele me respeitou muito durante esse tempo, exceto nessa semana enquanto estavamos no depósito. Estavamos, vamos dizer, nos agarrando e ele foi avançando demais. Por sorte ou puro azar o Nick chegou lá. E o idiota ainda disse "Isso aqui não é motel".
Nicholas. Esse sim vem me intrigando faz tempo. Não estamos se falando direito desde aquela conversa, mas ele continuava me protegendo e me livrando de broncas do diretor ou do inspetor, e vez ou outra acabava vendo ele nos mesmos lugares que eu. E raramente sozinho. A verdade é que o Jonas resolveu ficar mais galinha e mulherengo do que nunca, cada dia era uma diferente. O pior é que me incomodava. Porém nosso relacionamento tinha voltado a ser ridículo por causa de brigas ridículas. E de tanto eu pensar nele, percebi que na verdade sinto falta dele. Foi tudo muito passageiro, mas especial e eu realmente confiei nele e ainda confio. Se dúvidar mais até que em Liam...Bem, na verdade nunca me abri com Liam do jeito que fiz com Nick. Então definitivamente mais do que em Liam.
Professor: Senhorita Cyrus! - Ele me acordou. Idiota. Odeio aula de Biologia, já disse? Aula chata da porra. - Pode me responder o que eu perguntei?
Miley: E que merda você perguntou? - Ele me olhou brava. - Aí, desculpa! Não sei, querido professor.
Professor: Acontece que você fica tanto aí pensando, não sei, no seu namoradinho que não presta a atenção. - Se meu namoradinho for o cara gostoso sentado na carteira da esquerda, eu realmente penso...Ah, esqueci de dizer uma coisinha. Nesses 2 meses minha atração e malicia pelo Nick cresceu 9653495%! Mas a culpa não é minha se ele resolve ficar mais gostoso a cada dia.
Miley: Na verdade... Bem, eu estava pensando no quão boa é sua aula e aí acabei me distraindo com...
Prof: Com?
Nick: Com o trabalho que temos que fazer de Matemática, certo?! - E lá vem ele com a mania de me ajudar.
Miley: É, é isso mesmo!
Prof: Acham que eu sou idiota? Os dois, pra fora agora!  - Peguei meu material e saí andando, ele fez o mesmo - Ah, agora terão que se preocupar em fazer um trabalho de 20 páginas de Biologia pra amanhã. Em dupla. - Concordamos com a cabeça - Agora vão! - Preciso dizer que a hora que ouvi o "Em dupla" pirei? Caramba, são 20 páginas e isso demora horas pra fazer. Horas do lado dele depois de tanto tempo, depois de tantas brigas babacas.
É incrivel a capacidade desses inspetores serem rápidos. Caramba, mal saímos e ele já veio encher o saco.
Marcelo (inspetor): Porque sairam?
Miley: Porque aquele professor é um bos... - Fui interrompida.
Nick: Porque eu dormi na sala. - E lá vem ele tentando me defender e me livrar de problemas.
Marcelo: E você? - Apontou pra mim.
Nick: Ela só me ajudou! Não tem nada a ver com isso.
Marcelo: Hmm, ok. E qual o castigo de vocês?
Miley: Um trabalho de 20 páginas pra amanhã, em dupla.
Marcelo:  Parece que vão ter muito o que fazer hoje. Vou arranjar uma sala pra vocês ficarem, sem ninguém incomodando.
Nick: Ok. - Ele nos guiou pra uma sala bem na puta que pariu, falando que era a única que estava vazia e ali teriamos silêncio o suficiente.
Marcelo: O negócio é o seguinte, vocês não podem sair daqui até terminar.
Miley: Por quê?
Marcelo: Simples, quem saí da sala, se ferra. Tem um banheiro ali e comida eu trago pra vocês - Ele foi saindo da sala - Ah, vocês tem tudo que precisam aqui. E isso inclui um notebook pra fazerem alguma pesquisa. E água ou suco tem no frigobar. - Ele saiu e o filha da puta ainda trancou a porta. Droga, droga, droga. Bem, quando ele saiu pude ver como era a sala. Era grande, mas pequena demais pra ficar tanto tempo com Nick.
Quando você entra vê uma mesa com um notebook e alguns livros, logo atrás uma estante lotada de livros. Na frente, dois sofás médios, uma mesinha no centro e uma televisão. No canto um banheiro e ao lado daquela estante o frigobar. Retiro o que disse, não é tão grande.  A sala era bem fria, talvez por causa do ar condicionado. Ok, óbvio que era por isso.
(...)
Dez minutos. Dez minutos sem ouvir um "A" além do barulho do ar, ele estava meio deitado no sofá e eu sentada na cadeira com o cotuvelo sob a mesa. Eu juro que ia pirar se continuasse assim. E foi exatamente o que aconteceu quando fizeram 15 minutos, fiquei inquieta, batendo a unha na madeira da mesa sem parar. Isso finalmente fez ele acordar pra vida e me olhar.
Nick: Pode parar? Isso irrita - Ele tava estressado. Fica ainda mais gostoso assim. MILEY, SE CONCENTRA PORRA!
Miley: Você me irrita.
Nick: Bem, posso dizer o mesmo - Ele levantou e se sentou na cadeira ao meu lado - Vamos acabar logo com isso, porque não quero passar o dia todo aqui.
Miley: Idem - E lá vem a merda do silêncio de novo. Isso é extremamente chato. Estar em uma sala com Nick Jonas, o cara mais gostoso da escola, o que mais te irrita e o que bem, era seu melhor amigo. E tem um mania de te defender de tudo! Ele abriu o notebook e começou a pesquisar sobre o assunto.
Nick: Faz alguma coisa, Miley.
Miley: Tipo o que?
Nick: Tipo pegar a porcaria de uma folha e começar a escrever isso. - Apontou pra qualquer merda daquele notebook.  Vinte minutos. VINTE MINUTOS SÓ ESCREVENDO E NO SILÊNCIO DE NOVO. Eu juro que to pirando, tá enchendo o saco ficar nisso. E tem uma coisa me intrigando demais, o porquê dele me ajudar sempre. Mas se segura Miley, resolva uma coisa de cada vez.
Miley: A gente vai ficar nisso mesmo? - Ele virou pra mim.
Nick: Nisso o quê?
Miley: Nesse silêncio extremamente chato e irritante.
Nick: Tem alguma coisa pra falar? Porque eu não tenho.
Miley: Você mudou - Falei, sem pensar, mas falei.
Nick: Será que fui só eu?
Miley: Argh - Resmunguei - Nós mudamos depois daquela bendita conversa.
Nick: Tava demorando...
Miley: Pra quê?
Nick: Falar da nossa incrível e super agradavél conversa de 3 meses atrás. - Ironia, argh.
Miley: Depois daquilo você sumiu.
Nick: Eu? Miley, você só não precisou mais de mim. Afinal, tinha outro pra te ajudar.
Miley: Muitas vezes teria sido melhor você comigo ao invés dele - E o silêncio voltou de novo. Aquela frase tinha um duplo sentido, certo? Que poderia ter sido como amigo ou como algo a mais. Ele que entenda como quiser. Cinco minutos de silêncio completo e meu celular começou a tocar, peguei na minha bolsa e atendi. Liam.
#Ligação#
Liam: Hey, cadê você?
Miley: Saí da sala e agora tenho que ficar fazendo trabalho.
Liam: Saiu por quê?
Miley: Porque eu quase dormi e quando o peofessor perguntou alguma coisa lá eu não sabia responder e aí fui inventar uma desculpa que não deu certo.
Liam: Sozinha? Argh, onde você tá? Qualquer coisa passo aí pra me ajudar... - Senti segundas intenções. Do tipo sexo. Ele só pensava nisso ultimamente.
Miley: Err, não. O Nick saiu também, e o idiota do inspetor trancou a porta. - Ouvi ele bufar. Ele não suportava o Nick.
Liam: Ahnn, tudo bem. Se ele fizer alguma coisa me fala, ok? - Concordei - Tchau, beijo. Te adoro, linda!
Miley: Eu também, beijo - Voltei a escrever e pronto, o silêncio voltou. Só que dessa vez não durou nem 1 minuto.
Nick: Eu disse que não precisa mais de mim.
Miley: Preciso da sua amizade.
Nick: E é disso mesmo que to falando, mas eu sendo seu amigo tenho que aguentar o idiota do Liam te olhando como se fosse a comida dele o tempo todo e ficar quieto.
Miley: Qual problema nisso? E ele não me olha assim - Ou olha? Era isso que me perguntava sem parar por dentro.
Nick: Olha sim. E o problema é bem simples, eu não ficaria quieto entendendo o que ele quer fazer com você.
Miley: Ele faz eu me sentir bem.
Nick: Milhares de caras poderiam fazer você se sentir bem, tinha que ser justo ele? Caramba Miley, ele não presta.
Miley: O que você ACHA que ele quer comigo?
Nick: Já disse, mas repito, sexo. Se já não teve... - Interrompi.
Miley: Ele não teve.
Nick: Não foi o que me pareceu naquele dia que cheguei no depósito - Engoli seco e fiquei quieta - Ele quer, não é?
Miley: É - Falei tão baixo que até duvidei se ele me ouviu. Ele suspirou e olhou em meus olhos pela primeira vez em meses.
Nick: Só te digo pra não fazer nada que não queira ou não esteja preparada, porque vai se arrepender depois.
Miley: Eu não vou. E é por isso que to evitando ele.
Nick: Ele já forçou a barra em relação a isso? - Eu deveria falar que ele tava me encurralado nessa última semana?
Miley: Bem... - Exitei em falar.
Nick: O que ele fez? - Fomos para um sofá e, por incrivel que pareça, sentamos um ao lado do outro.
Miley: Anda me agarrando meio que a força - Falei, melhor dizer a verdade.
Nick: Como assim?
Miley: Ah, a gente começa a ficar e ele vai indo mais longe, eu peço pra ele parar e ele meio que me ignora e continua.
Nick: Ele não pode continuar fazendo isso, Miley. Hoje ele continua aos poucos, amanhã quase abusa de você.
Miley: Não exagere!
Nick: Mas eu to falando sério. Caramba, Miles... - Ele me chamou de Miles, começou um apelidinho de novo. Aw *-* E me puxou contra seu braço, me abraçou.
Miley: Senti sua falta - Disse baixo. Estava quase no colo dele. Bem, estava no colo dele. Ele estava com as pernas cruzadas e eu tava entre elas, com os braços em volta de seu pescoço e a cabeça encostada em seu peito. Ah, como eu senti falta desse cheiro doce e amadeirado ao mesmo tempo.
Nick: Eu também, Pequena - Sorri e fui ainda mais pra cima dele, ficando mais próxima. Já disse que amo o abraço dele? Faz eu me sentir tão... Protegida, segura. Ergui a cabeça e meus olhos se encontraram com os dele, que me fitavam. E logo os olhos dele desceram para meus lábios, comigo o mesmo. Eu queria beija-lo, como queria. Minha respiração ofegante ficou mais próxima da dele e, quando milímetros separavam nossas bocas A MERDA DA PORTA ABRIU, O NICK LEVANTOU ASSUSTADO E FUI PRO CHÃO. QUE ÓDIO DA PESSOA QUE ABRIU ESSA PORTA, QUE ÓDIO! Levantei meu tonta e vi o Marcelo com comida, nosso almoço. Me segurei pra não mandar tomar no cú. Caramba, eu tava quase beijando o cara mais gato e mais fofo e lindo de todos de novo! Oh, aquele beijo era tudo que eu queria sentir de novo.
Marcelo: Espero que estejam fazendo o trabalho, se não sem sair daqui hoje - Largou o almoço em cima da mesa e foi embora. Eu levantei bem rápido e resmunguei, minhas costas tinham batido no chão. Assim que ele me ouviu reclamando virou pra mim.
Nick: Desculpa. Machucou? - Ele se sentou do meu lado, preocupado. E lindo. E gostoso. O fato é que o Nick sempre é lindo e gostoso. MEU DEUS MILEY, PARA COM ISSO!
Miley: Ããhn... - Tentei mexer minhas costas, doeu e reclamei - Um pouco.
Nick: Desculpa... - Ele passou o braço em volta do meu ombro, deitei minha cabeça em seu ombro - É que me assustei - Disse meio sem jeito.
Miley: Tudo bem, eu acho - Levantei e fui ver o que trouxeram pra comer - Eles trouxeram chocolate, ganhei meu dia - E em seguida olhei pro Nick. Ele tem Diabetes. Fui até ele, sentei em seu colo, ele passou os braços em volta de meu corpo, e sussurrei em seu ouvido - Chocolate diet, besta - E que não sou só eu que me arrepio com toques. A nuca dele estava arrepiada. Sorri e com um sacrificio sobrehumano me afastei. Os olhos dele me encaravam com...Desejo? E de novo, estavamos nos aproximando. Porém o mundo resolveu não cooperar parar que nos beijassemos e então a porra do celular dele tocou e eu fiquei revoltada, saí do colo dele. Puta. Puta. Puta. Puta. Puta. Era isso que a pessoa que estava ligando era. Puta é sinônimo de puta, sabiam? E de vadia, biscate, vagabunda... E o Nick é um idiota. Um idiota atraente. Um idiota que caí na conversa da Delta só porque ela é gostosa. Eu sou mais. Ou não sou? Esqueci de dizer também do meu jeito convencido, mania que peguei do Nick.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Olá pessoas! Então, eu ainda não sei o que acho desse capítulo, então pergunto a vocês se ficou bom. Ou se quer que alguma coisa melhore. E de novo, desculpa por não ter postado. A verdade é que tá pronto desde Sexta-Feira, mas eu tava com preguiça de postar e infeliz com o tamanho do capítulo, mas não saiu mais nada e então... Então, esperem com paciência que eu não abandonei a fic, ok?

Respondendo comentários:

kelly lino *: Demorei um pouquinho pra postar, sorry kkk Espero que goste! *-*
Fernanda: Não vou falar nada sobre isso, ok? kkkkkkkk Ciúmes de garoto já é fofo, vindo do Nick então né? aw *u* bjbj. E brigada pela tag, de verdade!
niley love niley: Postado, amor (:
Tatii: Brigaaaaada pela tag *-*
Jaqueline: Se é o que eu to pensando o que você tá achando... Ela vai ): Mas muuuuita coisa ainda vai acontecer! Brigada por comentar, hihi. E pode me chamar assim.
Izzy Jerry Jonas: Brigadaaaa *u*
E agora as tags...Bem, eu vou responder as perguntas e mandar as perguntas, mas tem um porém. E esse é que eu não leio fanfics em blogs ): ): ): Mas não me matem, ok? Eu mando a todos vocês que estão lendo isso agora e se tiverem fics deixem que eu vou dar uma olhada e divulgo também. Pode ser? *-*

Vamos lá!
  1. Cada pessoa deve postar 11 coisas sobre si no blog.
  2. Responda as 11 perguntas de quem deu a tag e deixe 11 novas perguntas.
  3. Você deve escolher 11 pessoas para dar a tag e colocar o link no post.
  4. Ir a página dessas pessoas e dizer que as indicou.Não indicar a tag pra quem já te indicou.
11 Coisas sobre mim:
  • Tenho 14 anos e nasci no dia 10 de Novembro.
  • Sou fã da Miley, Selena e Nick (Sou fã do projeto paralelo do Nick e dele como pessoa, não me chame de poser).
  • Sou fã da Miley há mais de 2 anos.
  • Saí do Paraná para ver a Miley em São Paulo, 14 de Maio. Acampei, perdi meu celular, mas fiquei na grade e a Miley sorriu pra mim em The Climb, foi o melhor dia da minha vida.
  • Não fui no show da Selena e nem do Nick, foram os dias em que mais chorei.
  • Eu sou extremamente fanática por Niley. É algo em exagero.
  • Eu tenho várias fanfics começadas, mas não sei se vou postar.
  • Eu odeio Liam Hemsworth e isso não tem nada a ver com o fato de ser Team Niley, até porque eu amava o Justin Gaston (Não vou explicar o porque agora, mas se alguém quiser saber é só perguntar que eu tento explicar).
  • RBD foi a melhor coisa que já existiu. Mas é por isso que sou traumada em ser fãs de bandas, elas acabam.
  • Pretendo fazer intercâmbio no último ano do Ensino Médio para Los Angeles.
  • Eu estou no 1° do Ensino Médio e me sinto cada dia mais burra.
Resposta das 11 perguntas da 1 #TAG:
1) Quem você admira?
Eu sou fã da Miley, Nick e Selena. Então sem dúvida eles são um dos favoritos. Porém eu acho a voz da Adele incrível, do Jonas Brothers juntos e da Demi também. Então, são eles.
2) O nome da Fanfic que mais marcou pra você.
Eu leio fanfics aleatórias, e eu sou completamente viciada por Another Life. E Miley Problema X Nick Solução.
3) Alguém que você pode contar em qualquer momento.
Muitas pessoas diriam as mães, porém eu não suporto minha mãe. Então a Vic Jardim, ela é do Rio de Janeiro e uma das minhas melhores amigas. Se não a melhor.
4) Um lugar para ir agora mesmo.
Los Angeles.
5) Uma pessoa que você admira.
Ok, além dos meus ídolos e a Demi, porque apesar de não ser Lovatic, ela é um grande exemplo e eu a admiro, meu pai.
6) Um cantor que você não goste.
Não sei. Eu não gosto, então não escuto.
7) Uma música que não saia da sua cabeça.
No momento, Sick Of You - Selena Gomez.
8) Acredita em Deus?
Sim.
9) Um vício.
Meus ídolos. E internet.
10) Você é risonha ou acanhada?
Meio termo.
11) Seu casal favorito de famosos.
Niley.
Resposta das 11 perguntas da 2 #TAG:
1) Um artista?
Sou fã de outros, mas por questão de escolha a Miley. Isso não me faz menos Dreamer ou Stayer, sou os dois sim, amo os dois sim. Faria o impossível para conhece-los, porém é uma questão de escolha.
2) Qual é seu livro favorito?
Como eu não leio tantos livros e sim fics, Miles To Go.
3) Cor favorita?
Preto e roxo.
4) Um hobby?
Cantar, porém não sei.
5) Qual é o personagem favorito da sua história?
Miley.
6) Porque decidiu falta de escrever?
Porque senti falta de escrever. Ou melhor, de ler o que acham do que escrevo.
7) Vicío?
Respondi na outra.
8) Mania?
Roer unha.
9) Qual sua comida favorita?
Depende do meu humor.
10) Uma música que te alegra?
Moves Like Jagger.
11) Qual meme mais gosta?
Conheço poucos, então...
Resposta das 11 perguntas da 3 #TAG:
1) Qual seu livro favorito?
Respondi, haha.
2) Se pudesse trocar de vida com alguém, quem seria?
Noah Cyrus.
3) Tem Tumblr?
Sim, esse.
4) Seu lugar favorito no mundo?
Quando eu visitar Los Angeles, será lá.
5) Mãe ou pai?
Pai.
6) Gato ou cachorro?
Cachorro.
7) Tem algum tipo de preconceito? Qual?
Não.
8) Acredita que monstros moram embaixo da sua cama?
Na cama não, mas no guarda-roupa sim.
9) Namora?
Infelizmente, não.
10) Já teve vontade de matar algum garoto porque ele disse "Tá de TPM, é?"?
Eles não são loucos de dizer isso pra mim, então não.
11) Tem muitos problemas com seu cabelo ou só eu sofro com isso?
Então, meu cabelo me odeia e fica ridículo na hora de ir pra escola e perfeito quando eu volto. Então sim, tenho.
Minhas 11 perguntas:
1) Já foram no show do seu ídolo?
2) O que acham de Niley?
3) Briga muito com seus pais?
4) Já viajou para fora do país?
5) Tem notas boas ou baixas?
6) Gosta de viver no Brasil?
7) Já se apaixonou a distancia?
8) Sente falta de 2009 ou só eu que sinto?
9) Uma música que esteja viciada.
10) Seu primeiro beijo foi bom?
11) Tem quantos anos?
Posso pedir uma coisinha? Respondam nos comentários? *-*
Enfim, é isso.

xoxo
Radiate Love



4 comentários:

  1. HAAAAAAAAAAAAA! vou matar a Delta!concordo ela é tudo e mais um pouco que a Miley disse (tirando o gostosa)eu vou esganar ela, e vai ser uma morte lenta e dolorosa! ok agora exagerei e fiquei parecendo uma maníaca assassina! EU ANO SOU MANÍACA, E NEM ASSASSINA!
    haaaaaaaaaaa VOU MATAR ESSE MARCELO! caraca atrapalhou o Beijo de Niley! é outro que vai sofrer como a delta!
    okk sou demasiadamente exagerada as vezes :D !!!!
    Posta logo linda! por favor !!!
    a vou bater no Nick, caraca como elevai ser acapaz de fazer isso que eu estou pensando? a Miley vai odiar ele :(
    Beijo meu anjo :D

    ResponderExcluir
  2. aaaaaaaaa
    simplesmente ameiii
    como sempre ,eu amo os momentos niley ! é tao lindo
    que raiva toda vez que eles vao se beijar acontece alguma coisa kkkk
    adoreii o capitulo espero que eles vejam que amam um ao outro neh
    ....
    posta logo
    xoxo

    ResponderExcluir
  3. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAH QUANDO POSTAR DENOVO PODE ME AVISAR NO TWITTER??? @MILEYMYCAKE

    ResponderExcluir